Encerrando a participação dos alunos à nossa nova sessão de reportagens, o Ensino Médio narra fatos marcantes, aponta aspectos positivos e deixa sugestões para a escola.

- – - – -

2013_11_14_natalia_1em

Natália Sayegh Tokunaga, 15 anos, 1º ano do Ensino Médio

Há quanto tempo você estuda no Pioneiro?
Desde o Jardim II.

O que você destacaria de positivo na escola?
O número reduzido de alunos por sala é o grande diferencial porque o professor dá atenção a todos e trabalha para ajudar a melhorar onde temos mais dificuldades e a potencializar o que temos mais facilidade. O companheirismo entre os alunos acaba sendo maior também e isso é bom. Acho legal as relações humanas aqui na escola, alunos de anos diferentes convivem, os funcionários são ótimos, os professores são próximos.

E negativo? Tem algo que pode melhorar? Qual a sua sugestão?
Não consigo pensar em nada negativo.

O que você acha dos trabalhos coletivos e como você acha que essa experiência vai ajudá-la na universidade e na sua vida profissional?
Eu acho que o trabalho coletivo é bom porque a gente aprende a se relacionar melhor com as pessoas, ajuda na comunicação, por exemplo, acho que não teremos dificuldades em apresentar seminários na universidade, na organização das tarefas e na responsabilidade de cada membro da equipe. Eu acho que essas habilidades também vão ajudar muito na minha vida profissional.

Aconteceu algum fato marcante com você aqui na escola?
No 9º ano, participar do concurso de foguetes foi muito legal, porque aprendemos alguns conceitos de física, colocamos a teoria em prática e trabalhamos diretamente com os professores do ensino médio.

Como você definiria a escola em poucas palavras? O que é o Pioneiro pra você?
Uma segunda casa.

2013_11_14_lucas_1em1

Lucas Eiji Fukushima, 16 anos, 1º ano do Ensino Médio

Há quanto tempo você estuda no Pioneiro?
Desde o 8º ano do ensino fundamental I.

O que você destacaria de positivo na escola?
Eu sempre gostei muito do método de ensino dos professores e acho que o número reduzido de alunos por sala faz com que os professores nos dê mais atenção.

E negativo? Tem algo que pode melhorar? Qual a sua sugestão?
Nada negativo. Acho que uma boa sugestão é a organização do grêmio estudantil, principalmente com a participação dos alunos do ensino médio, mas sabemos que somos nós que temos que nos articular. De toda forma, os professores nos ajudaram a começar.

O que você acha dos trabalhos coletivos e como você acha que essa experiência vai ajudá-lo na universidade e na sua vida profissional?
Eu acho que é muito bom ter o trabalho coletivo como avaliação e não somente as provas tradicionais porque eu acho que a dinâmica envolvida e as habilidades solicitadas são bem similares ao que iremos enfrentar na universidade e também no mercado de trabalho.

Como você definiria a escola em poucas palavras? O que é o Pioneiro pra você?
A escola é uma parte importante da minha vida, principalmente por causa dos professores e do acolhimento.

2013_11_14_larissa_2em

Larissa Harumi Kogima, 16 anos, 2º ano do Ensino Médio

Há quanto tempo você estuda no Pioneiro?
Desde o Jardim I.

O que você destacaria de positivo na escola?
Eu destacaria a liberdade que temos no ensino médio e a comunicação entre alunos e professores. Eu acho que o Pioneiro é uma escola que está me preparando não só para o vestibular, mas para a vida.

E negativo? Tem algo que pode melhorar? Qual a sua sugestão?
O método de ensino do ensino médio do Pioneiro é diferente das outras escolas, eu sei que a minha experiência aqui está sendo muito rica e vai me ajudar muito no futuro, mas eu confesso que a pressão aumenta quando vamos fazer as provas tradicionais de vestibular. Mas enfim, eu prefiro assim. Eu tenho como sugestão termos mais treinos de redação.

Aconteceu algum fato marcante com você aqui na escola?
Eu estudo no Pioneiro desde criança, e sem dúvida, o meu círculo de amigos é algo que levarei comigo.

Como você definiria a escola em poucas palavras? O que é o Pioneiro pra você?
O Pioneiro significa todo o meu amadurecimento, não só o de estudo, mas o psicológico e sentimental também.

2013_11_14_fernando_2em

Fernando Matsubayashi, 16 anos, 2º ano do Ensino Médio

Há quanto tempo você estuda no Pioneiro?
Desde o 1º ano do ensino médio.

O que você destacaria de positivo na escola?
No ensino médio, eu acho que os trabalhos coletivos são experiências ricas que levaremos para a vida. E também a escola tem um relacionamento aberto conosco, podemos trazer as nossas ideias e sabemos que existirá o diálogo.

Aconteceu algum fato marcante com você aqui na escola?
Estou no Pioneiro há 1 ano e acho muito legal a possibilidade de intervir na aula, a abertura dos professores e a capacidade deles de absorver e linkar o que trazemos de adicional. Por exemplo, eu gosto de pesquisar e me aprofundar em alguns assuntos e mesmo que algum tópico não esteja diretamente relacionado ao tema da aula ou ao conteúdo curricular, conseguimos discutir e fazer conexões.

Como você definiria a escola em poucas palavras? O que é o Pioneiro pra você?
Eu já estudei em outras quatro escolas e aqui no Pioneiro a atenção e o cuidado dos professores com a gente é algo que me marcou.

2013_11_14_

Letícia Kogachi, 17 anos, 3º ano do Ensino Médio.

Há quanto tempo você estuda no Pioneiro?
Desde o 1º ano do ensino fundamental I.

O que você destacaria de positivo na escola?
Os professores do Pioneiro mais do que passar a matéria, inspiram os alunos. Eles buscam conhecer cada um e moderam discussões que nos levam ao desenvolvimento da personalidade.

E negativo? Tem algo que pode melhorar? Qual a sua sugestão?
O Pioneiro sempre foi uma escola tradicional, é perceptível que está ocorrendo uma mudança e ela é bem-vinda, a escola está mais moderna. Entretanto, algumas tradições da escola poderiam ser mantidas/estimuladas, por exemplo, eu acho que o comportamento dos alunos tem mudado, você percebe que muita gente e de todas as idades deixa lixo no chão. Eu acho que a escola deveria investir mais no foco social, realizar atividades de conscientização. Assuntos como cidadania, reciclagem e outros devem ser pautas constantes.

Aconteceu algum fato marcante com você aqui na escola?
As experiências em relação as pessoas, tanto os professores quanto os outros alunos. Eu tenho amigos que conheço há 11 anos e isso eu vou levar para o resto da vida. Nunca irei esquecer do papel dos professores no meu crescimento pessoal e na minha escolha profissional. Hoje eu sei o que quero ser graças a Profª Lilian Guimarães, eu estabeleci minhas metas e fui encorajada a perseguir esse objetivo pelos professores do ensino médio.

Como você definiria a escola em poucas palavras? O que é o Pioneiro pra você?
Casa.

2013_11_14_georgia_3em

Georgia B. Taguchi, 16 anos, 3º ano do Ensino Médio.

Há quanto tempo você estuda no Pioneiro?
Faz somente um semestre. Vim do Rio de Janeiro.

O que você destacaria de positivo na escola?
Eu acho que o colégio disponibiliza bastante tempo pra gente tirar dúvidas com os professores. Os professores do Pioneiro são muito atentos a cada aluno.

E negativo? Tem algo que pode melhorar? Qual a sua sugestão?
Eu gostei da ideia de estruturar um grêmio estudantil. Muitas escolas tem esse tipo de participação e minha sugestão é que a escola continue encorajando os alunos a se organizarem.

Aconteceu algum fato marcante com você aqui na escola?
Eu acabei de chegar e já ganhei a oportunidade de visitar o submarino japonês de pesquisa Shinkai 6500 no porto de Santos.

Como você definiria a escola em poucas palavras? O que é o Pioneiro pra você?
Suporte.