“O Estudo do Meio pode ser compreendido como um método de ensino interdisciplinar que visa proporcionar aos alunos e aos professores o contato direto com determinada realidade, um meio qualquer, rural ou urbano, que se decida estudar. Esta atividade pedagógica se concretiza pela imersão orientada na complexidade de um determinado espaço geográfico, do estabelecimento de um diálogo inteligente com o mundo, com o intuito de verificar e de produzir novos conhecimentos”.

No Centro Educacional Pioneiro, os Estudos do Meio desenvolvidos no Fundamental II e Ensino Médio tem uma série de etapas com atividades que motivam e provocam os alunos na busca do conhecimento e de informações. Essas atividades, normalmente feitas com dias ou semanas de antecedência, visam introduzir os assuntos que serão estudados e prepará-los para as atividades de campo. Durante esse tempo, os estudantes são apresentados aos temas nas diversas disciplinas e realizam pesquisas prévias com o objetivo de formular questões que deverão ser respondidas durante e após o trabalho de campo.

O 1º estudo do meio com a família foi uma maneira de apresentar, ainda que de uma forma sintética, um pouco da dinâmica de planejamento e execução de um Estudo do Meio, proporcionando uma manhã de descobertas em família.

Os grupos de alunos, pais e professores, realizaram uma caminhada por ruas ao redor do Pioneiro; durante esta caminhada todos deveriam observar e registrar os detalhes do percurso, sempre levando em consideração que “observar”, neste caso, não se refere apenas ao que “vemos com os olhos”, todos os sentidos devem estar atentos a essa “observação”, portanto, prestar atenção aos sons, aos odores, às sensações e pensamentos que passarem pela mente foram fatores importantes.

Os registros da atividade foram múltiplos: anotações, desenhos, croquis, gravações, fotos e vídeos. Nos relatos de alunos e pais, eles perceberam que a nossa região apresenta inúmeras árvores frutíferas pelas ruas, as questões de mobilidade em um bairro com um hospital importante e com grande fluxo de pessoas não é a ideal, a presença de duas grandes universidades, as questões do trânsito, entre outras.