Muitas vezes não nos damos conta da importância que o movimento tem para as crianças. É principalmente nessa fase inicial que elas precisam de liberdade de expressão para o desenvolvimento da psicomotricidade, adquirindo a autonomia de seus movimentos, que vão sendo aperfeiçoados por meio de suas experiências motoras.

A construção do conhecimento na Educação Infantil é muito influenciada pelo trabalho corporal e é por meio do movimento que as crianças aprendem de forma mais significativa.

Constantemente estimulamos nossas crianças a fazer novas descobertas e sensações e apresentamos novos desafios motores de acordo com cada faixa etária, para que elas fortaleçam a autoestima e tenham prazer em alcançar esses desafios.
Ao explorar diversos materiais e participando de jogos, circuitos e brincadeiras, o aluno passa a se desenvolver por meio do corpo e começa a se reconhecer, identificando também os espaços e os objetos oferecidos, interagindo o tempo todo consigo mesmo, com o meio e com os colegas.

Desenvolvemos e exploramos todas as habilidades motoras e integramos essas aulas com outras áreas do conhecimento, favorecendo a aprendizagem de diversos conceitos na prática e de forma mais prazerosa para nossas crianças.

Professora Tays R. Brito – Jardim II B

“As descobertas feitas com o corpo deixam marcas. São aprendizados efetivos, incorporados. Na verdade, são tesouros que guardamos e usamos como referência quando precisamos ser criativos em nossa profissão e resolver problemas cotidianos.”

Esteban Levin, psicólogo argentino e pesquisador em psicomotricidade.