A turma do 1° C recebeu a visita da Tia Eva, inspetora de alunos que trabalha na escola há muitos anos e conviveu um longo período com a Dona Michie Akama. A professora Sandra Graciela Hack Weidle conta que as crianças manifestaram muito interesse ao realizar perguntas referentes à evolução estrutural da escola, surpreendendo-se quando souberam que o pátio era um grande espaço de terra batida e que as crianças na época brincavam de rolar pneus neste local.

Admiraram-se com a força de vontade, a dedicação e a persistência demonstradas por Dona Michie, que mesmo estando em um país distante de sua terra natal, viúva e com um filho para cuidar, não desistiu de lutar pelos seus sonhos e pela educação das moças e, posteriormente, das crianças.

As crianças questionaram ainda sobre aspectos da personalidade da fundadora. Neste momento, a Tia Eva lhes contou que ela era muito organizada, mas também muito generosa, pois reconhecia o trabalho dos profissionais da escola. Outro aspecto enfatizado foi o fato de Dona Michie doar tudo o que tinha para a Fundação Michie Akama, mantenedora do Centro Educacional Pioneiro.

A conversa com a Tia Eva foi muito produtiva, pois a inspetora, além de conhecer bem a história da escola e de sua fundadora, é bastante próxima das crianças e transmite sua vivência com alegria, entusiasmo e simpatia.

Aproveitando a ocasião, as crianças questionaram sobre o cargo e a função da Tia Eva na escola, complementando o estudo que vem sendo realizado pelas turmas dos primeiros anos sobre o ambiente escolar.