Com o objetivo de estimular o trabalho em grupo, reforçar a leitura dos números, desenvolver a noção de adição e conhecer a cultura de outros povos, confeccionamos nas aulas de matemática o jogo: “A Trilha da Aventura”.

Foi solicitado aos alunos que trouxessem de casa figuras de paisagens e animais da África, pois um dos últimos povos de cultura pastoril na Terra são os Massais. Eles vivem na Tanzânia, um país da África. Pegamos o globo terrestre e fizemos uma pesquisa na sala de áudio para que os alunos pudessem entender melhor a cultura e observar imagens desse povo.

Para confeccionar o jogo, destacamos círculos coloridos do encarte do livro de matemática e formamos quatro grupos, juntando todos os círculos dos integrantes.

Os alunos foram orientados a colocar os números nos círculos e cada grupo decidiu quem iria grafá-los. Depois, colocaram os números em uma cartolina e os colaram na sequência correta, determinando o início e o fim da trilha. Colaram as figuras trazidas de casa, completaram o desenho com canetinha e pronto, cada grupo construiu sua trilha. Com as trilhas prontas, os alunos puderam jogar.

A professora distribuiu dois dados para cada grupo. Como marcador foram utilizados os apontadores ou as borrachas de cada um.

Cada grupo decidiu quem começaria o jogo. Na sua vez, o jogador lançava os dados e com o seu marcador andava sobre o caminho a mesma quantidade de círculos que o total de pontos que saiu nos dados. Venceu a brincadeira o primeiro que chegou ao fim da trilha. Mas para mim, todos nós vencemos: as crianças por aprenderem de forma lúdica, divertida e dinâmica e eu, por vê-los tão entusiasmados e interessados pela atividade proposta.

Professora Carla Figueira – 1º ano D.